Instalando um ambiente de desenvolvimento para Android no Ubuntu

por Luiz Correia

android

Pré-requesitos

Ter o Java instalado: para instalar vá em Aplicações > Central de Programas do Ubuntu e pesquisa por java, você também pode procurar “Ubuntu Restricted Extras”, isso instalará o java também.

Nós usaremos o Motodev Studio que é uma IDE de desenvolvimento totalmente baseada no Eclipse e possui algumas ferramentas a mais para desenvolvimento para Android, e também possibilita baixar o SDK pela própria IDE.

Caso já você tenha instalado o Eclipse também é possível instalar o plugin que se encontra no link abaixo, mas aconselho usar o aplicativo Motodev.

Instalando

Passo 1: Registrar e Baixar o Motodev Studio de: http://developer.motorola.com/docstools/motodevstudio/

Passo 2:  Depois de baixado o arquivo clique com o botão direito do mouse sobre ele e vá em propriedades e marque a opção Permitir a execução do arquivo como um programa.

Passo 3: Abra o terminal, naveque até a pasta de download e execute o comando:

./MOTODEV_Studio_for_Android_1.2.0_Linux-x86.bin

* Para Ubuntu 64bit o comando será:

./MOTODEV_Studio_for_Android_1.2.0_Linux-x86_64.bin

Passo 4: Irá abrir o instalador. Faça como no Windows: next, next, next….

Passo 5: Abra o MotoDev, se ainda não possui o sdk do android na sua máquina, marque a opção para baixá-los, selecione todos os sdk’s.

Passo 6: Se na hora do download for pedido uma senha será a mesma do cadastro no site da motodev.

Passo 7: Depois do download clique em finish e seja feliz.

Eu sei é só Ubuntu, mas eu gosto.

Sincronização Google-Android-Evolution

Sincronização Google-Android-Evolution (a partir de dados do Outlook)

Por Ramon Badoch

Já uso Ubuntu Linux há quase dois anos mas como eu usava um Nokia, esta era uma das poucas razões para ainda entrar no Windows: eu só conseguia sincronizar contatos e agenda do telefone com o Outlook o Windows XP (legalizados!). Tentei fazer no Ubuntu com algumas sugestões que achei na web (aqui e lá fora) mas não consegui. Não era nada simples ou, pelo menos,  precisaria ser, no mínimo, mais geek do que eu sou. Continue lendo “Sincronização Google-Android-Evolution”

Ubuntu 10.04 terá sincronia de contatos entre desktop e smartphones

Além do armazenamento gratuito de arquivos online e da loja de músicas, usuários da próxima versão do Ubuntu[bb] (10.04, codinome Lucid Lynx) poderão contar com um outro recurso para integração de seus computadores com a “nuvem”: a sincronização entre os livros de endereços no desktop e num smartphone, através do serviço online.

Tudo parece muito simples: basta instalar um “plug-in” em seu cliente de e-mail no desktop (vários são suportados, entre eles o Thunderbird, Mail e Outlook), um aplicativo no smartphone[bb] e todo o resto é automatico. O serviço, batizado de PhoneSync, foi desenvolvido em parceria com uma empresa chamada Funambol, e estará disponível apenas aos usuários pagantes do Ubuntu One. O único plano atualmente disponível, por US$ 10 mensais, dá direito a 50 GB de espaço para armazenamento online.

No momento o serviço está em versão “alfa pública”, e há aplicativos para smartphones Android e iPhones[bb]. Um FAQ com informações sobre o serviço e uma página com instruções básicas de instalação dos plug-ins e aplicativos estão disponíveis.

O Ubuntu 10.04 “Lucid Lynx” tem lançamento programado para o dia 29 de Abril.

por Antonio Blanc

Aplicativos do Android rodarão no Ubuntu

A Canonical está construindo um ambiente de execução que vai permitir rodar aplicativos do Android no Ubuntu.

Segundo a Ars Technica, a responsável pela distribuição Linux mostrou um protótipo do ambiente de execução durante o Ubuntu Developer Summit, em Barcelona.

A iniciativa pode ajudar a fomentar o ecossistema de desenvolvimento de aplicações para o sistema operacional móvel apoiado pelo Google.

Fabricantes de computadores já realizam testes para incorporar o sistema operacional aos netbooks, mas por enquanto o Android só está disponível comercialmente em smartphones.

O sistema usa o kernel Linux kernel, mas oferece um ambiente diferenciado, baseado em uma customização do Java runtime pelo Google. Isso impede que aplicativos feitos para o Android rodem nativamente em distribuições Linux, barreira que a Canonical pretende eliminar com seu ambiente de execução.

fonte: http://info.abril.com.br/noticias/ti/aplicativos-do-android-rodarao-no-ubuntu-27052009-6.shl