As diferenças entre Apt-Get e Aptitude

A principal diferença entre os dois é que o controle de dependências dos pacotes é mais completo e sofisticado no aptitude do que o do apt-get.

Mesmo, no caso de se querer corrigir problemas no sistema, o aptitude é muito mais eficiente. Por exemplo, o apt-get instala o pacote e as suas dependências como o aptitude, mas para desinstalar/remover um pacote o apt-get
desinstala apenas o pacote solicitado e deixa as dependências enquanto que o aptitude desinstala também as
dependências do pacote.

Já relativamente à pesquisa de pacotes o apt-cache search gera muito mais resultados do que o aptitude search.
Isto porque o comando apt-cache search nome_do_pacote procura pelo nome do pacote tanto no nome do pacote
como na sua descrição, enquanto que o comando aptitude search nome_do_pacote procura pelo pacote apenas no
nome dos pacotes.

Por estes motivos convém seguir a regra: procurar um pacote com apt-cache search e instalá-lo com aptitude install.

fonte:  apostila do Ygor Abreu.

O Linux é seguro?

Dicas gerais de segurança

  • Execute somente os serviços necessários para a operação da sua rede. Serviços que não são muito utilizados caem no esquecimento do administrador.
  • Verifique se os serviços estão rodando com privilégios de root. Essas permissões geralmente causam os maiores furos na segurança. Se não for necessário, desabilite essa opção.
  • Verifique se os serviços estão configurados adequadamente à sua rede. Tutoriais e How-To’s geralmente indicam o caminho de como configurar, mas na sua maioria não são muito específicos.
  • Estabeleça uma política de segurança para a sua rede, como serviços de compartilhamento disponíveis, política de senhas etc.
  • Firewall. Estabeleça um filtro de tudo que entra na sua rede. De preferência feche todas as portas que não são necessárias para o funcionamento do servidor.
  • Evite serviços de comunicação p2p, como servidores de músicas, vídeos e até chats e mensagens.
  • Como última dica: monitore. Diz o ditado que “o boi só engorda aos olhos do seu dono”. Se você cuida da sua rede, dificilmente terá problemas de vulnerabilidade.

Mais dicas e info, aqui.

Brincando e criando com o Gimp

Quem já conhece, sabe que o Gimp é uma poderosa e completa ferramenta para edição/criação de imagens. Com ele, podemos executar desde tarefas simples, como recortar um pedaço de uma imagem, até tarefas bem mais complexas, como restaurar uma fotografia.

Eu costumo usar o programa para criar os papéis-de-parede (Wallpapers) que posto aqui no blog. Considero isso não um trabalho, mas sim uma…

Ir para o post original.