Ubuntu 16.04 LTS liberado para download – Veja aqui tudo que você precisa saber sobre a nova versão agora

É finalmente estamos aqui para anunciar: o Ubuntu 16.04 LTS versão estável está agora disponível para download.

Ubuntu 16.04 LTS ( ‘Xerus’) tem suporte por 5 anos, para novas atualizações.

Sendo assim, com essa liberação de um “Long Term Support” esta versão do Ubuntu é hoje a mais recomendada, para novos usuários e principalmente para os usuários antigos da última versão LTS.

Download-UBUNTU-16.04-LTS

 

Antes de você continuar a ler esse artigo para descobrir tudo sobre essa nova versão do UBUNTU LTS é melhor você já clicar nos links abaixo, para iniciar o download do Ubuntu 16.04 LTS ( ‘Xerus’)

O anuncio oficial ainda não aconteceu no site do UBUNTU, os links acima irão encaminhar para o download direto das imagens oficiais.

Claro que uma das grandes facilidades do UBUNTU é a possibilidade de atualizar uma versão antiga para uma nova, por exemplo:

Se você tem a versão Ubuntu 15.10 poderá atualizar tranquilamente para o Ubuntu 16.04 LTS ( ‘Xerus’), ainda vamos falar mais sobre isso nesse artigo.

Ubuntu 16.04 LTS e suas novidades

Podemos resumir em poucos parágrafos as novidades dessa nova versão do UBUNTU, porém a idéia aqui é fazer um grande resumo, para você ficar sabendo de tudo que poderá ganhar ao instalar ou até mesmo atualizar para essa nova versão do UBUNTU LTS.

  • UBUNTU 16.04 LTS ainda não vem com o Unity 8 por padrão, ficou para a versão 16.10 ( normal isso ) essa versão está com o Unity 7.4.
  • Kernel Linux 4.4
  • Atualização para drivers de vídeo, com melhor suporte para diversos hardwares mais recentes
  • Melhorias na interface
  • Suporte aos pacotes Snappy
  • Uma grande mudança é o suporte para o sistema de arquivos ZFS do Linux nativamente
  • Novos atalhos para o teclado
  • Recurso de pesquisa online já está desativado por padrão
  • O Menu de som irá mostrar um volume de entrada de microfone
  • Sempre novos Wallpaper
  • Nova atualizações de aplicativos:
    • Firefox 45
    • Thunderbird 38
    • Chromium 48
    • LibreOffice 5.1
    • Nautilus (aka ‘Files’) 3.14.2
    • Totem (aka ‘Videos’) 3.18
    • Rhythmbox 3.3
    • GNOME Terminal 3.18
    • Eye of GNOME 3.18
    • Shotwell 0.22

Como atualizar o Ubuntu 14.04 LTS para o Ubuntu 16.04 LTS

O lançamento de uma versão LTS está totalmente focada em estabilidade, certo?

Vamos lá em um passo a passo, imaginando que você escolheu atualizar para o UBUNTU 16.04 LTS.

1. Verifique se você está com todos os pacotes atualizados.

Abra o seu Update Manager  ou até mesmo execute os comandos abaixo no terminal.

# sudo apt-get update ; sudo apt-get upgrade

2. Atualizando a versão

Novamente abra o Terminal aplicação. Digite o seguinte comando:

sudo update-manager -d

Você verá uma tela como a imagem abaixo:

atualizando-do-ubuntu-14.04-para-ubuntu16.04

Basta clicar no botão Upgrade para iniciar o processo.

Agora basta esperar, adianto que será um processo longo, e vai depender muito da velocidade da sua internet.

O upgrade LTS-to-LTS deve manter todos os seus arquivos, mas é sempre recomendável que você faça um backup de quaisquer documentos importantes, pastas e fotos antes de começar .

TESTE O UBUNTU EM UMA MÁQUINA VIRTUAL ANTES DE UTILIZAR EM PRODUÇÃO

Eu não tenho como saber se você é ou não usuário de Ubuntu, mas vamos imaginar que você tem o seu sistema operacional cheio de arquivos, músicas, fotos etc … etc, fazer um backup agora e instalar um novo sistema operacional para você pode ser um problema … certo? Não! a resposta é não …

Você poderá sim, testar e homologar essa nova versão do Ubuntu, assim como a grande maioria das pessoas fazem, é simples, basta utilizar uma maquina virtual.

Sim você pode rodar um software, como virtualbox por exemplo e montar um ambiente onde você poderá testar sim o novo Ubuntu 16.04 LTS.

Se você não sabe como fazer isso, eu posso te ajudar indicando que você baixe uma cópia de mais um ebook que eu criei.

Clique aqui e Aprenda Como Usar  O VirtualBox – Passo a Passo

img-site-Ebook-capa-como-usar-virtualbox2

Quer saber sobre os 04 Elementos necessários para aprender a Desenvolver para Android?

Se você tem paixão por tecnologia e principalmente por mobile, preste atenção que esse post é pra você!

Vim avisar que está surgindo uma GRANDE OPORTUNIDADE de você participar disso, e começar a desenvolver aplicativos Android:

android-dev

As inscrições do Android Accelerate!!!!

Como mencionei em outros posts, a carreira de desenvolvimento Android já deixou de ser uma promessa para ser um investimento seguro e vindouro, pois o momento que estamos vivendo é ideal para se inserir no mercado mobile. Ainda mais no Brasil!

No nosso país, mesmo em crise, o mercado de TI ainda sofre bastante com a baixa oferta de bons profissionais no mercado. A demanda nesse segmento, é muito maior do que a capacidade de formação desse profissional. Segundo o IDC e o portal G1, até junho desse ano (auge da crise), o mercado estava com “vagas sobrando”. Na época, foram abertas mais de 40 mil vagas!

No meio desse verdadeiro oásis em tempos difíceis, apostar na carreira de desenvolvedor(a) Android pode ser extremamente gratificante!

Pra você entender melhor, o Android Accelerate e do blog AndroidPro, que já realizou grandes projetos de desenvolvimento mobile como Trikae, Kanui, Dafiti, It, Renovei, e outros;

E hoje colabora com o crescimento profissional de mais de 12 mil pessoas que acompanham seus conteúdos pelo blog.

O curso cobre o desenvolvimento Android do básico ao avançado, tratando-se de uma plataforma online dedicada àqueles que querem adentrar ou se especializar no mercado mobile, e ainda cobrindo o conceito de comunidade, incentivando o aprendizado através da troca de informações, conteúdos e conhecimento.
Mas o ponto chave do curso, é a metodologia criada, que depois de apanhar bastante pra aprender a tecnologia e se tornar um desenvolvedor Android profissional, desenvolvi o um método de aprendizado focado em 04 elementos principais:

1- O primeiro deles é o elemento “Conceitos Básicos”, que é a base para todo o aprendizado sobre Android…

“É importante entender desde seu ambiente de desenvolvimento, como qual versão do Java utilizar, configuração do Android Studio, SDK Manager para gerenciamento das versões de APIs e emuladores… Também conhecer a estrutura de um projeto Android e os arquivos que fazem parte dele e a base de todo aplicativo, as Activities…”

2- O segundo elemento é de “Interface Gráfica”,

Aprendendo a como utilizar os recursos de interface para interagir com o usuário. As telas de um aplicativo Android são criadas utilizando as Actitivies combinadas com layouts, componentes de tela e os poderosos Fragments. Cada componente de interface serve para uma determinada situação, então é importante saber quando usar cada um e combinar eles entre si.

3 – “Manipulação de Dados”

“É nesse momento que o aplicativo ganha inteligência… Existem diversas maneiras de manipular dados no Android, como utilizar o banco de dados local SQLite, integração com outros sistemas ou até mesmo outros recursos de administração de dados da plataforma como os Content Providers…”

4 – Último mas não menos importante dos elementos:

“Ferramentas” do Android, ou seja, todos os recursos disponíveis como câmera, trabalhar com imagens e vídeos, calendário, contatos, GPS entre outros…

Foi com base nesses 04 elementos que nós do AndroidPro construimos o Android Accelerate, que além de um curso descrito por seus alunos como “melhor opção do mercado” (Ataliba Teixeira) e “de ótima didática e material bem completo” (Thiago Pagotto), é também um grande trabalho de curadoria desenvolvido pelo Fillipe Cordeiro.

Afinal, se você já tentou aprender a desenvolver aplicativos Android, então você sabe como é difícil com tanta informação espalhada pela internet, as vezes até obsoletas, que nos e sem saber por onde começar.

Além desse método e do curso em si, o Android Accelerate também está vindo acompanhado de extras sensacionais, como o curso Java para Androideiros, que ensina a linguagem Java voltada para a plataforma Android, um conteúdo riquíssimo e inédito (que dificilmente podemos achar algo parecido por aí) e muito mais…

Se você gostou do que eu disse até aqui, vale conferir atentamente o vídeo que explica como tudo funciona (o curso, o método, os bônus exclusivos e minicursos que acompanham, e etc).

ASSISTA AQUI!

Mas ATENÇÃO, se você se interessar e perceber que o Android Accelerate é pra você, não perca tempo e se inscreva agora mesmo!

As vagas são LIMITADAS e, além das mais de 12.000 pessoas acompanhando as informações e conteúdos do AndroidPro e do Android Accelerate, só a lista de espera para esse curso já conta com mais de 500 pessoas!

Então assista ao vídeo para saber tudo o que compõe o curso, e não perca essa oportunidade.

1

Abraço

 

10 Dicas Matadoras Para Aprender a Desenvolver Aplicativos Android – Aula ao vivo

Não é segredo, e nem é uma realidade distante dizer que estamos sim, na era dos aplicativos!

Seja para a comunicação, trabalho, localização ou solicitações serviços, já é possível fazer quase de tudo com alguns toques na tela de pequenos dispositivos que temos à palma da mão.

aula-ao-vivo-sobre-desenvolvimento-android

E os benefícios vão além da praticidade, pois muitos aplicativos colaboram, inclusive, com a saúde, com a educação e com a mobilidade urbana das grandes cidades.

A tecnologia está nos permitindo repensar e replanejar grande parte de nossa vida. Ações que vão além do consumo. A internet das coisas está presente no nosso dia a dia, em carros, jóias, TV, geladeira… atualmente tudo está sendo conectado a internet. E o objetivo de todas essas ações, revoluções e evoluções é único: tornar a nossa vida mais prática!

No início de 2015, foi contabilizado mais de 1,43 milhão de aplicativos disponíveis no mercado e mais dois bilhões de pessoas usando aplicativos todos os dias. Dentre esses “pequenos” números, o Android é o sistema operacional mais utilizado em portáteis, com mais de 1 bilhão de aparelhos ativos até o começo do ano (imagina agora!).

Ainda assim, com todos esses números e os bilhões de dólares que giram no mercado mobile, a demanda por bons profissionais da área ainda supera a oferta destes. Desenvolvimento mobile, antes considerada a carreira do futuro, já faz parte do presente há algum tempo, e o profissional que investir em especialização, com certeza conseguirá o seu “lugar ao sol”.

Nem tudo são flores

Porém, as vezes quando temos que estudar algo novo, acabamos passando por algumas dificuldades e travamos em determinados problemas.

Sendo assim, para ajudar quem se interessa por desenvolvimento de aplicativos mobile, em especial aplicativos Android, tenho uma novidade super legal ;)

No dia 24/11, próxima terça-feira, às 20h30, eu vou fazer um webnário gratuito sobre:

10 Dicas Matadoras para Aprender a Desenvolver Aplicativos Android!

Não perca essa oportunidade de aprender com quem sabe do assunto e poder tirar dúvidas ao vivo!

Inscreva-se agora mesmo!

Te espero lá :D

Primeiro Passos com o Endian Firewall

O Endian Fireall é solução de segurança conhecida como UTM (Unified Threat Management) e que pode ser traduzida como “gerenciamento unificado de ameaças”. Os UTMs são uma solução de firewall que trabalha de maneira unificada para atender diversas funcionalidades em comum. Com isso nós temos além da função de firewall propriamente dita, nós podemos ter outros itens como proxy, anti-vírus, anti-SPAM, VPN, filtro de conteúdo, balanceamento de carga, entre outros.

capa

Os UTMs ganharam fama no mercado como primeira solução de defesa em uma rede de computadores, isso se deve a simplicidade de implementação e na facilidade de integrar diversas funções em apenas uma sem a necessidade de recorrer a vários servidores e fornecedores ou fabricantes distintos.

É exatamente nesse nicho que o Endian Firewall trabalha. Vindo de uma distribuição Linux e baseado em IPCop, o Endian é uma empresa alemã que sempre foi norteada na segurança da informação.

Atualmente o Endian possui três soluções, sendo elas:

Hardware Appliance

hardware

Aparelhos completos disponibilizados em vários tipos de modelos que são concebidos e integrados unicamente ao software UTM.

Software Appliance

software

Software UTM que pode ser instalado em um hardware/servidor já existente.

Virtual Appliance

virtual

Assim como o software appliance, pode ser implementado em um hardware porém aqui, virtualizado. Homologado para os mais diversos hypevisors como VMWare, Xen Server e KVM.

Comunnity

capa

Além disso o Endian Firewall disponibiliza a versão conhecida como community. O intuito da versão é exatamente esse, de fazer um software atendendo a necessidade da comunidade de usuários que a utilizam. Além disso é possível fazer a instalação em praticamente qualquer hardware baseado em x86.

Como este é meu primeiro artigo aqui no Ubuntu Dicas vale a pena dizer que meu nome é Mateus Wolff. Trabalho no mercado de TI a 6 anos sempre atuando nas áreas de suporte técnico e infra estrutura de servidores. Daqui em diante será escrito uma série de artigos baseados na ultima versão do Endian Fireall que é a 3.0.5 e que pode ser baixada aqui.

Atualmente a versão comunnity do Endian Firewall já foi baixado mais de 1,4 milhões de vezes e é recomendado para redes peque e médio porte (até 100 computadores).

Para finalizar esse artigo inicial segue o link em que pode ser visto a posição do Endian Fireall  com base no uso dentre as diversas distribuições Linux que temos no mercado. O site para o comparativo é o Distro Watch e atualmente o Endian esta na posição 203.

Obs.: Esse é artigo faz parte de uma série de posts em que será abordado desde a  instalação até a configuração das principais funções da ferramenta.

Instalando JAVA da maneira correta no Ubuntu e LinuxMint

Este artigo irá ajudá-lo a instalar o Java 8 JDK (8u66) ou atualização no seu sistema. Leia cuidadosamente todas as instruções para fazer o download a partir de linha de comando Linux. Para instalar o Java 8 em Ubuntu e LinuxMint leia este artigo.

java-oracle

Baixando JAVA mais recente

Baixe o java mais recente da pagina de download oficial ou use os seguintes comando no terminal.

Para 64Bit

# cd /opt/
# sudo wget --no-cookies --no-check-certificate --header "Cookie: gpw_e24=http%3A%2F%2Fwww.oracle.com%2F; oraclelicense=accept-securebackup-cookie" "http://download.oracle.com/otn-pub/java/jdk/8u66-b17/jdk-8u66-linux-x64.tar.gz"

# sudo tar xzf jdk-8u66-linux-x64.tar.gz

# sudo rm jdk-8u66-linux-x64.tar.gz

Para 32Bit

# cd /opt/
# sudo wget --no-cookies --no-check-certificate --header "Cookie: gpw_e24=http%3A%2F%2Fwww.oracle.com%2F; oraclelicense=accept-securebackup-cookie" "http://download.oracle.com/otn-pub/java/jdk/8u66-b17/jdk-8u66-linux-i586.tar.gz"

# sudo tar xzf jdk-8u66-linux-i586.tar.gz

# sudo rm jdk-8u66-linux-i586.tar.gz

Instalando JAVA usando update-alternatives

Após extrair os arquivos use o comando  update-alternatives para instalar .

# cd /opt/jdk1.8.0_66/
# sudo update-alternatives --install /usr/bin/java java /opt/jdk1.8.0_66/bin/java 2
# sudo update-alternatives --config java


There are 3 programs which provide 'java'.

  Selection    Command
-----------------------------------------------
*  1           /opt/jdk1.7.0_71/bin/java
 + 2           /opt/jdk1.8.0_45/bin/java
   3           /opt/jdk1.8.0_51/bin/java
   4           /opt/jdk1.8.0_66/bin/java

Enter to keep the current selection[+], or type selection number: 4

Neste ponto JAVA 8 foi instalado com sucesso em seu sistema. Recomendamos também a configuração do javac e comandos jar  usando update-alternatives

# sudo update-alternatives --install /usr/bin/jar jar /opt/jdk1.8.0_66/bin/jar 2
# sudo update-alternatives --install /usr/bin/javac javac /opt/jdk1.8.0_66/bin/javac 2
# sudo update-alternatives --set jar /opt/jdk1.8.0_66/bin/jar
# sudo update-alternatives --set javac /opt/jdk1.8.0_66/bin/javac 

Checando versão instalada.

Verifique a versão instalado , rodando o seguinte comando no terminal.

java -version

A saída deverá ser esta.

java version "1.8.0_66" Java(TM) SE Runtime Environment (build 1.8.0_66-b17) Java HotSpot(TM) 64-Bit Server VM (build 25.66-b17, mixed mode)

Configurando Váriaveis de Ambiente

A maioria dos  aplicativo baseado em Java faz uso das variáveis de ambiente para trabalhar. Defina as variáveis de ambiente Java usando seguintes comandos.

Instale a váriavel JAVA_HOME

# export JAVA_HOME=/opt/jdk1.8.0_66

Instale a váriavel JRE_HOME

 

# export JRE_HOME=/opt/jdk1.8.0_66/jre

Instale a váriavel PATH

# export PATH=$PATH:/opt/jdk1.8.0_66/bin:/opt/jdk1.8.0_66/jre/bin

Conclusão

Este tutorial serve para todos os derivados Ubuntu sistemas 32 e 64 Bits.

O que achou do post ? Deixe seu comentário abaixo.