Matar processos no Ubuntu

Olá, amigos!

Neste post rápido vou mostrar como matar processos no Ubuntu.



No Windows, você pode usar o Gerenciador de Tarefas (para abrir use CTRL+SHIFT+ESC) para verificar qual processo está usando mais memória/cpu e finalizá-lo. Entretanto, como fazer isso no Ubuntu?

Primeiro passo: Abra o terminal e digite o seguinte comando:

ps -aux

Segundo passo: Verifique qual tipo de processo está consumindo mais memória/cpu.

Na foto abaixo, você irá ver a lista dos processos ativos. Na primeira coluna está o usuário que iniciou a tarefa. Na segunda coluna está a identificação do processo, na terceira coluna e quarta coluna estão respectivamente a indicação de uso da CPU e Memória.

Comando ps -aux
Lista dos processos ativos

Nas outras colunas estão outras informações relevantes como: hora de início do processo, o comando que originou a tarefa, etc.

O que realmente nos interessa são a segunda, terceira e quarta coluna; e em especial, a segunda coluna. Ela tem a informação do ID do processo o qual iremos usar no terceiro passo.



Terceiro passo: Torne-se root (sudo su e depois sua senha) e use o seguinte comando, após identificar a tarefa a ser exterminada.

kill -8 (pid - ou o ID do processo a ser finalizado)

Pronto! Processo finalizado!

Se você usa notebook e não sabe porque o mesmo começou a esquentar de uma hora para outra e/ou bateria está durando mesmo tempo dê uma olhada nisso, pode ajudar.

E por agora é só pessoal! Espero ter ajudado.

Por favor, críticas, sugestões, elogios, favor usar a seção de comentários do site.



Autor: Rafael Paim

Olá! Sou o novo integrante da equipe Ubuntu Dicas! Lido com informática desde 2001 e desde que o pc da minha esposa "rejeitou" o windows xp, colocamos o ubuntu 10.10 (em jan/2011). Por causa disso, tenho aprendido bastante sobre Ubuntu e linux. Vou postar semanalmente dicas para iniciantes no mundo Ubuntu, atualidades e como convencer usa esposa/marido a usar esta distro sem ter que dormir no sofá! Estou estudando Segurança da Informação na Unisinos (São Leopoldo/RS) e recentemente concluí o curso Academia Java na instituição.