Instalando o Oracle Java mais atual no Ubuntu

Instalando o Oracle Java mais atual no seu Ubuntu. Um tutorial completo para este fim. Veja!

por Rodolfo Silveira

Oracle Java no Ubuntu

APRENDA A DOMINAR O LINUX

Aprenda a dominar o LINUX de uma vez por todos, pegue sua cópia

  • Ferramentas para instalar softwares adicionais
  • Shell do LINUX passo a passo, e muito mais...

O Banco do Brasil ficou off alguns dias e na volta o openjava7 que sempre funcionou em conjunto com o Icedtea java não entravam mais nem reconheciam o bbtoken para autenticação de pessoa jurídica.

Procurando no Google e inclusive no próprio site do Java Oracle, vi tutoriais que no meu caso NÃO FUNCIONARAM. Então depois de muito pesquisar, descobri que o Chromium usa o conjunto de plugins do firefox e na distribuição que eu uso não tem Firefox e sim uma versão de código aberto do Firefox, em resumo 4 dias batendo a cabeça.
Obs: O tal repositório java oracle estava fora do ar.

Porquê o Chromium para o Oracle Java?

Nativamente no repositório do Ubuntu você pode baixar o Chromium (chrome americano), você pode achar ai pela internet um PPA que baixa o Chrome, mas por ser mais leve e receber atualização primeiro eu uso o Chromium, que é a mesma coisa (será?).

IMPORTANTE: Estou colocando os comandos sem o sudo, caso peça permissão basta botar o sudo antes dos comandos.

Passo 1: Vá no site do java e baixe o java de acordo com sua arquitetura, no meu caso Linux 64bits:
http://java.com/pt_BR/download/manual.jsp

Passo 2: Descompacte o arquivo jre-7uxx-linux-xxx.tar.gz;
– Para os práticos, dê 2 cliques e arraste para fora para a pasta Downloads por exemplo;
– Para os aficcionados por terminal, vá até a pasta com o comando cd, neste caso fica
– $ cd /home/seuusuario/Downloads
– $ tar -xvzf jre-7uxx-linux-xxx.tar.gz

Assunto indicado:  Botões fechar, minimizar e maximizar para esquerda no Gnome Shell

Passo3: No terminal vamos criar a pasta para colocar os binários do java;
– mkdir -p /usr/local/java;

Passo 4: Copiar a pasta descompactada do java para a pasta criada;
– cp -r /home/seuusuario/Downloads/jre1.7.0_XX /usr/local/java
obs: No terminal use o tab para ir completando o nome das pastas e não errar.

Passo 5: Aqui vem a diferença, os tutoriais mandam criar uma pasta de plugins no OPT, sendo que comigo não funcionou, eu percebi que o chromium usa os plugins do firefox, neste caso vamos jogar o java para lá.
– Va até a pasta dos plugins e crie um atalho simbólico do arquivo do plugin;;
– cd /usr/lib/mozilla/plugins
– ln -s /usr/local/java/jre1.7.0_51/lib/amd64/libnpjp2.so
Obs: Vejam que eu apontei para a pasta lib amd64 se seu linux for 32bits, aponte para lib/i386 ou equivalente a sua arquitetura.

Passo 6: Teste se esta instalado;
– Abra o chromium/chrome e digite na barra de endereço;
– chrome://plugins/

CONSIDERAÇÕES FINAIS:

Desinstale o openjava e o icedtea;
Este tutorial serve para qualquer versão do java, assim que lançar um java novo delete o link simbólico anterior e crie um do novo, colocando o sempre o java atualizado nas pasta indicada no tutorial;
Se você tentou outros tutoriais disfaça tudo que foi alterado anteriormente;
Desta forma o java ficará instalado no firefox também;
quando eu boto XX no comando vc deve substituir pela versão que você está tentando instalar.

Comentários sobre o artigo acima sobre Oracle Java no Ubuntu?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comentários

  1. Parabéns pelo tutorial. É sempre bom ter alguma referência na internet para ajudar na instalação do Oracle Java, uma vez que a Oracle não tem interesse em manter um repositório oficial com pacotes .DEB.

    Só para você testar depois e, quem sabe fazer outro tutorial, segue o processo que executo que considero mais simples.

    1 – Baixe o pacote .RPM da versão mais atual do JDK diretamente do site da Oracle (hoje, 27/01/2014, a versão mais recente é a 7.51).
    2 – Utilize o aplicativo alien para converter o pacote em um pacote .DEB. (no comando abaixo é utilizada a versão de 32 bits, mas já testei com as duas versões)
    sudo alien –scripts jdk-7u51-linux-i586.rpm
    Obs.: O argumento –scripts faz com que os scripts pré e pós instalação do pacote .RPM sejam adicionados ao novo pacote .DEB.
    3 – Pronto! O pacote .deb pode ser facilmente instalado com dois cliques no pacote .DEB gerado ou utilizando o comando dpkg:
    sudo dpkg -i jdk_1.7.051-1_i386.deb

    Todo esse processo instala o Oracle Java no sistema. Contudo, os scripts gerados não incluem colocar essa versão instalada como padrão e nem coloca ela na lista do update-alternatives.

    Para resolver isso, criei um simples script (que pode ser melhorado bastante) para resolver esse problema.

    ########## Inicio Script ##########
    BIN_DIRECTORY=”/usr/java/default/bin”

    cd $BIN_DIRECTORY;

    for filename in *;
    do
    echo “Updating ${filename}”
    update-alternatives –install /usr/bin/${filename} ${filename} $BIN_DIRECTORY/${filename} 3000
    done

    sudo update-alternatives –install “/usr/lib/mozilla/plugins/libjavaplugin.so” “mozilla-javaplugin.so” “/usr/java/default/jre/lib/i386/libnpjp2.so” 3000
    ########## Fim Script ##########

    Depois de executado esse script uma vez, não é mais necessário executá-lo novamente em futuras versões. Bastará apenas executar os passos 1, 2 e 3.

    O que acha dessa alternativa?

    Abraço

    • Cara bem interessante sua solução e funcional. Eu só tenho uma dúvida, o programa que faz o .deb……funciona para qualquer rpm? Eu nunca pesquisei mas achava que sistemas que usam pacotes .rpm tivessem estrutura diferente do .deb.

      Eu fiz o curso da Mandriva completo só não a parte de firewall e no curso tudo que eu fazia lá eu fazia no debian(ubuntu server) em casa…e na época haviam várias diferenças de estrutura e de pacotes.

      Mas acredito que para o java funcione bem.
      Muito legal seu script, sou fissurado em scripts pois não sei como faze-los rsrsrs, mas mudando uma coisa ali outra aqui vai normal no 64bits.

      Eu gosto de meter a mão no terminal fazer e depois desfazer pela curiosidade mesmo, aliás eu prefiro botar lá o repositório e clicar para instalar mas nem sempre dá.

      De qualquer forma devo baixar este app para converter os rpm’s e testar em maquina virtual.

  2. Ronaldo S Patrício diz:

    muito grato

  3. Olá Rodolfo e pessoal do UD.
    Acabei de instalar o programa do IRPF (gerador) porém eu clico no programa e ele não abre. Uso ubuntu 12.04, versão do java é :
    java version “1.7.0_51”
    Java(TM) SE Runtime Environment (build 1.7.0_51-b13)
    Java HotSpot(TM) Server VM (build 24.51-b03, mixed mode)

    Vocês teriam alguma dica para me dar sobre o programa do IRPF. Será que outras pessoas já encontraram o mesmo problema? Eu clico e nada acontece.

    Abraços
    Renato

  4. Outro bom tutorial bem didático e que é atualizado sempre que uma nova versão do Java Oracle é lançado é este: http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,110854.0.html#top.
    Esse tuto também ensina a definir o Java padrão e a Criar os link’s simbólicos para os mais diferentes navegadores além de contemplar arquiteturas com 32 e 64 bits. Serve em Ubuntu/derivados e Debian.

    Tenho usado a mais de um ano e acesso o site de diversos bancos sem problemas.

    Fica a dica.

    Abraços.

  5. Ótima dica!!! Funcionou muito bem!!! Com a colaboração do colega Max e do alerta do Rodolfo ficou mais que completa!!! Valeu!!!

  6. matheus câmara diz:

    Valeu pelo tutorial mano! depois de tanta pesquisa achei um que realmente funcionou! haha aqui no trabalho tem proxy então não conseguia instalar por repositórios =/

    valeuuuu!

Deixe o seu comentário

*